Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Beleza qb

Lavar o cabelo com água fria?

O ideal é lavar o cabelo com água morna, pois a água muito gelada pode estimular a produção de mais óleo e o cabelo poderá ficar com aspeto de sujo mais rapidamente. No entanto, a dica de que a água fria pode fazer bem ao cabelo não é totalmente errada. A seguir deixo-te com 3 regras para deixar os fios mais bonitos.

 

- Se quiseres dar mais brilho, lava com água morna durante o champô e água fria quando fores tirar o condicionador, para fechar as escamas do cabelo.

 

- Usa ar morno para secar o cabelo. E quando terminares passa um pouco de ar frio nos fios. Assim o cabelo fica menos frisado, mais sedoso, brilhante e disciplinado.

 

- Evita lavar o cabelo com água muito quente: faz mal aos fios, que acabam por ficar ressequidos, e ao couro cabeludo, que corre o risco de descamar. Quando a água quente entra em contacto com o cabelo, as escamas dos fios abrem-se e toda a hidratação é perdida.

Mitos sobre cabelos oleosos

O cabelo oleoso deve-se à produção excessiva de gordura pelas glândulas sebáceas do couro cabeludo, deixando o cabelo com um aspecto sujo muito rapidamente. Desta forma, ao longo do tempo foram-se desenvolvendo alguns mitos associados a quem sofre deste problema:

 

1- Tocar constantemente com as mãos no cabelo aumenta a oleosidade. Correto. Os resíduos presentes nas mãos fazem aumentar a oleosidade no cabelo, deixando-o com um aspecto mais sujo e consequentemente mais oleoso.

 

2- A caspa é uma característica exclusiva dos cabelos oleosos. Falso. A caspa é um problema do couro cabeludo em geral, e não necessariamente do típico couro cabeludo oleoso. Contudo, o excesso de sebo pode favorecer o seu aparecimento, especialmente se houver resíduos de champô e condicionador. Secar o cabelo com secador e evitar dormir com o cabelo molhado contribui para a diminuição da caspa.

 

3- Quem tem o cabelo oleoso não pode usar “leave-in”. Falso. A oleosidade aumenta apenas se o produto for colocado na raiz dos cabelos. Contudo, se colocado a partir do meio até às pontas, aumenta o brilho e deixa os cabelos protegidos contra o excesso de poluição e dos raios ultra violetas.

 

4- Os cabelos oleosos não precisam de hidratação. Falso. Este tipo de cabelo também precisa de hidratação, principalmente para evitar o seu enfraquecimento. O ideal é usar produtos específicos para aplicar do meio do cabelo até às pontas.

 

5- Apenas os cabelos lisos são oleosos. Falso. De facto, os cabelos finos, lisos e pouco volumosos tendem a ser oleosos. Mas os cabelos mais fortes e ondulados também podem sofrer do mesmo problema. A diferença é que as ondas e, muitas vezes, o frizz impedem a fácil progressão do sebo pelo comprimento dos cabelos, concentrando-se apenas na raiz.

 

6- Lenços e bonés aumentam a oleosidade. Correto. Quando o couro cabeludo é abafado, acontece um aumento da produção natural de oleosidade. Quem já tem este problema deve evitar a utilização excessiva deste tipo de acessórios.

 

7- Os cabelos oleosos crescem mais rapidamente. Falso. O crescimento do cabelo está directamente relacionado com o DNA e a alimentação. O facto dos cabelos serem oleosos, normais ou secos nada tem a ver com o crescimento rápido ou não dos cabelos.

Agradecimentos: TRESemmé

Passos para um cabelo saudável

São dicas que constantemente são ouvidas ou lidas, mas não custa relembrar.

 

1- O cabelo deve ser cortado de 6 em 6 semanas. Isto ajuda a manter o seu estado mas não o fará crescer mais depressa.

 

2- Não existem produtos capazes de reparar as pontas espigadas. A única maneira de te livrares delas é cortá-las. Se o teu cabelo costuma espigar, toma suplementos multivitamínicos.

 

3- Se usares produtos para o cabelo em excesso, o cabelo pode ficar sem vida e baço e será necessário um champô forte para remover todos os resíduos, podendo afetar o seu estado geral. Neste caso, escova-o, aplica um champô em seco e passa por água.

 

4- Uma máscara capilar pode ajudar a pentear: mistura quantidades iguais da máscara e de gel de cabelo nas palmas das mãos, aplica sobre o cabelo húmido e dá-lhe forma. Obterás um aspeto molhado e ajudará a melhorar o estado do cabelo. Quando passares por água, ele estará brilhante e saudável.

 

5- Deixar os amaciadores atuarem durante mais do que o tempo recomendado não aumenta a sua eficácia. A maioria dos produtos só cobre o cabelo, por isso serão tão eficazes 15 como 1 minuto.

 

6- Os champôs que vêm em frascos de vidro podem escorregar das mãos durante o banho. Para isso não acontecer, cola-lhes adesivos ou usa embalagens de plástico.

 

7- Se tens o cabelo oleoso usa sempre os secadores com vento quase frio, porque o ar quente pode ativar as glândulas sebáceas, aumentando a produção de sebo.

 

8- Se puxaste o cabelo para trás com gel e ele está a começar a perder a forma, não apliques mais produto. Molha os dedos e passa-os pelo cabelo para voltares a dar-lhe forma e revitalizar. Também podes escovar o cabelo e começar do início.

Sobre mim



Sou a Patrícia e tenho 21 anos.
Se quiseres saber mais sobre mim clica aqui.